Ir para o conteúdo

'Software' Eficiente em Recursos & Certificação Ecológica Blauer Engel

Terça, 25 de Janeiro de 2022 | Joseph P. De Veaugh-Geiss


Um facto sobrevalorizado é o facto que o consumo de recursos do 'hardware' é determinado pelo 'software' que corre nele.

Quanta energia usa este 'hardware'?

Vejamos o 'software': a mesma máquina a fazer a mesma tarefa mas com duas aplicações diferentes poderá ter necessidades energéticas completamente diferentes.

Quanto tempo dura a vida operacional de uma peça de 'hardware'?

Mais uma vez, o 'software' é crítico. O recurso a más práticas e redundância no 'software' obrigar a requerer 'hardware' cada vez mais poderoso, resulta na necessidade de fabricar e vender novos dispositivos, sendo depois descartados dispositivos perfeitamente funcionais.

WEEE Man no Eden Project

"O WEEE (Waste Electrical and Electronic Equipment) Man (Homem de Equipamento Elétrico e Electrónico no Lixo) de sete metros é feito com base em equipamentos eléctricos e electrónicos deitados fora pelo cidadão médio do Reino Unido ao longo da sua vida - o que equivale a 3,3 toneladas." (fonte)

Por isso, quando pensar sobre o que fazer enquanto a crise climática continua, onde começar e como, nós no KDE Eco pensamos que o 'software' -- especialmente o 'Software' Livre -- é um bom local para começar. O 'Software' Livre significa que os utilizadores e as suas comunidades têm a liberdade para controlar o 'software' que usam, e não no sentido inverso. Estas liberdades oferece uma escolha real. Uma escolha no que instalar ou desinstalar. Opções para modificar o 'software' para se executar de forma mais eficiente. Continuar o suporte para dispositivos mais antigos, mas perfeitamente funcionais, e assim por diante.

Cada uma destas escolhas tem um custo e/ou benefício. Por exemplo, quanto mais processos (desnecessários) uma dada aplicação tiver a correr em segundo plano, mais recursos o 'hardware' irá necessitar. Multiplique esses custos por centenas de milhões, ou mesmo milhares de milhões de utilizadores de computadores em todo o mundo, e isto vai aumentando rapidamente.

O oposto também é verdade: reduzir as necessidades do 'software' para que se reduzam as necessidades dos nossos recursos.

Por outras palavras, a eficiência do 'software' significa a eficiência dos recursos!

Recentemente, a interdependência entre a engenharia de 'software' e a sustentabilidade foi reconhecida pela Agência Ambiental Alemã (Umweltbundesamt ou UBA). Em 2020, a UBA lançou os critérios de mérito para o 'software' de computadores obterem certificações ecológicas com o emblema Blauer Engel. As categorias de certificação incluem a eficiência energética, a extensão do tempo de vida potencial do 'hardware' e a autonomia do utilizador … as quais se encaixam perfeitamente no 'software' livre e de código-aberto.

Logótipo do KDE Eco com vegetação

O projecto Blauer Engel 4 FOSS (BE4FOSS) do KDE e.V. pretende recolher, resumir e difundir informações relacionadas com a certificação ecológica Blauer Engel e a eficiência de recursos relacionada com o desenvolvimento de FOSS. A medição do consumo de energia do 'Software' Livre é o foco do 'Free & Open Source Software Energy Efficiency Project' (FEEP), ou seja, um Projecto de Eficiência Energética para 'Software' Livre e de Código Aberto. Ambos os projectos fazem parte da iniciativa pioneira do KDE Eco!

Esta é uma versão modificada do resumo enviado ara o Remote Rhein Ruhr Stage em CCC 2021. Poderá assistir à conversa aqui.

Aviso de Financiamento

O projecto BE4FOSS foi financiado pela Agência Ambiental Federal e pelo Ministro Federal do Ambiente, da Conservação da Natureza, da Segurança Nuclear e Protecção ao Consumidor (BMUV1). Os fundos são disponibilizados pelo Governo Alemão.

BMUV logo UBA logo

O publicador é responsável pelo conteúdo desta publicação.

1 Os logótipos oficiais do BMUV e do UBA só são enviados via pedido para: verbaendefoerderung@uba.de


O artigo foi contribuído por segundo os termos da licença CC-BY-4.0.